28 de maio de 2018

Arte, Cultura e as Fake News

Por: Myllena Retkwa Padilha
(aluna do ensino médio no Colégio Estadual Ivo Leão - Curitiba - Pr)

Fonte: https://ndonline.com.br


          A arte tem como concepção a manifestação de algo. Pode ser uma manifestação para expressar emoções, ou simplesmente pode ser um legado que os humanos deixam para as sociedades futuras.
          Segundo Nietzsche, a arte serve para embelezar a vida, é estimulante de poder, sendo assim, a arte deixa nossas vidas mais bonitas, e com um pouco mais de força e estímulo para continuarmos. 
          A cultura por sua vez, são os costumes e hábitos de um povo. Todos tem sua cultura, qualquer pessoa cria uma como o filósofo José Ortega y Gasset já dizia: "a cultura é uma necessidade imprescindível de toda uma vida, é uma dimensão constipodetutiva da existência humana [...]". 
          Segue-se atualmente a propagação de Fake News, notícias falsas que se propagam pela internet, jornais ou pela boca do povo que não procurou saber se é ou não verdade. A arte tem como amenizar isso. Pode-se criar músicas, livros, poesias, charges críticas entre várias outras coisas que ensinem as pessoas a procurarem a verdade, evitando propagar essas notícias que não passam de uma imitação de outras notícias, só que com a verdade totalmente distorcida. 

23 de maio de 2018

Um Antídoto para as Fake News

Por: Maria Vitória de Souza Ribeiro Dias 
(aluna do Ensino Médio no Colégio Estadual Ivo Leão - Curitiba - Pr

Fonte: Fonte: https://economia.uol.com.br
          Na obra russa "Anna Karênina", escrita no século XIX, o autor Liev Tolstói expõe a terrível condição a qual a personagem principal foi submetida, após a propagação de ideias falsas sobre seu caráter. Atualmente é indispensável salientar que as "fake news" agem de maneira semelhante e são um grave problema emergente na sociedade. 
          Os avanços tecnológicos contribuem significativamente para o acesso à informação, porém, a criação e divulgação de notícias inverossímeis se tornou constante, ato que, alarma a população, criando um efeito em cadeia, tendo como consequência a fácil disseminação de ilegitimidades.  
    Em decorrência dos fatos supracitados as "fake news" caracterizam-se como fontes de desinformação e farsas, propagadas por todo tipo de mídia, claramente um empecilho a ser combatido. 
        Portanto, é fundamental a criação de atividades artísticas como pinturas, músicas e obras literárias com o intuito de concientizar a todos, pois segundo Nietzsche "apenas os artístas, especialmente os do teatro, dotaram os homens de olhos e ouvidos para ver e ouvir [...]", o que geraria uma modificação em nossa cultura, evidenciando um aprimoramento no senso crítico popular, instigando o pensamento e a busca pela verdade.