17 de março de 2012

Paralisação dos professores em Curitiba dia 15 de março

Por: Jonas J. Berra

Os professores do Paraná estão de parabéns. Neste dia 15 de março, em torno de 7 mil professores se reuniram no centro de Curitiba para a grande caminhada em direção ao palácio Iguaçú.

Veja algumas fotos abaixo:




Nossas principais reivindicações são:
Implantação de um terço da jornada dos professores como hora-atividade. A hora-atividade é o período em que o(a) professor(a), em expediente, permanece fora de sala de aula, para preparar o seu trabalho e corrigir provas, o que é de fundamental importância para a qualidade do ensino.
• Aplicação do novo valor do Piso Nacional do Magistério. O Paraná está 18,67% abaixo do Piso Nacional.
• Reajuste de 14,13% para funcionários(as) de escolas.
• A implantação de um novo sistema de atendimento à nossa saúde. Há um quadro crescente de adoecimento dos profissionais de educação.
Destinação de no mínimo 10% do Produto Interno Bruto (PIB) – que é a soma de toda riqueza produzida no país – para a educação.



Um comentário :

Everton Marcos Grison disse...

Estão de parabéns com certeza. Deveria ser diferente, mas como não é, os professores precisam cruzar os braços para serem PERCEBIDOS. Este percebidos vai para o governador deste estado e para o prefeito de Curitiba. Quando a educação entrará em pauta de verdade? Chega de asfalto senhor Luciano Ducci. Chega de propaganda de copa do mundo senhores Beto Richa e Luciano Ducci. A educação urge...