9 de fevereiro de 2011

Tempo pra uma vida rara.

                                       

Ainda bem que a gente tem tempo.


 Já parou pra pensar que uma mosca vive apenas 48 horas? Aliás, voce sabia dessa informacao?


Sim, a mesma mosca que ás vezes nos atormenta, a qual a gente tem por nojenta, asquerosa e tudo que há de mal e perdicao nesse mundo…Ela, coitada, tem apenas dois dias para se desenvolver e colocar seus ovinhos no mundo, que depois seguirao a mesma rotina. A curta rotina.

Dois dias…

É, ainda bem que a gente tem tempo pra errar, e melhor ainda, pra concertar .

Ainda bem que a gente tem tempo. Tempo pra tudo: pra mudar, pra evoluir, pra aprender.

Ainda bem que, por um milagre divino, também nos é concedido tempo pra sair, lentamente, da nossa caverna, da nossa minoridade.

Já pensou o quanto de tempo que a gente precisa pra se libertar da ignorancia? Pra se tocar?

Me vem na cabeca agora a música do Lenine: “Será que é tempo que te falta pra perceber, será que temos esse tempo pra perder…? E quem quer saber? A vida é tao rara…tao rara…”

Ahhh…

Ainda bem que até tempo pra perder nos é dado.

De tempo ao tempo, nos é dito sempre.

Ainda bem que temos tempo.

 Pra desdeperdicar com quedas, pra desperdicar com seja lá o que for.

Ainda bem que temos tempo pra aprender. Pra sentir remorso do que passou e dizer: nunca mais vou agir do mesmo modo.

Ainda bem que temos tempo pra jogar a futilidade na descarga, se bem que haja tempo pra isso…

Ainda bem que temos tempo pra evoluir, e no sentido literal, levamos milhoes e milhoes de anos pra isso…

 Mas sem darwinismo, ainda bem que temos tempo pra pra cheirar o ano que voou e pensar: “puxa, como eu mudei…”. Pra lembrar: “nossa, como naquela época eu pensava diferente, sentia diferente e olha só agora: como eu sou outra pessoa!!!”

Ainda bem que temos tempo pra criar, pra pensar, pra inventar.

Pra ter novas idéias. Pra fazer revolucao… AINDA BEM QUE TEMOS TEMPO PRA FAZER REVOLUCAO!!!!!!!!!

Pra cortar cabecas de reis, pra nascerem Mandelas e Che Guevaras…

Ihhh meu Deus…em pensar que Mandela passou trinta anos na prisao…trinta anos!!!!!!! Trinta anos pagando por ter lutado contra o Apartheid.

Ainda bem que temos tempo pra mudar o mundo… já pensou que coisa mais triste nao seria nao poder mudar o mundo…?

Sim, nós temos tempo pra isso… Gracas a Deus!!!

“Será que é tempo que te falta pra perceber…será que temos esse tempo pra perder…?”





“E quem quer saber? A vida é tao rara…tao rara…“



Uma mosca, coitada, nem tempo tem pra furar a sua bolha de ignorancia e ver que tá tudo errado…

“A vida é tao rara…tao rara”…

Um comentário :

everton disse...

Texto provocante!!! O tempo, uma definição que é tão difícil de determinar, e se for falar em tentar apontar, vixi, já foi. Não possuímos o tempo, ele é, deixa de ser e será e não possuímos nenhum dos três estados do tempo: passado, presente e futuro, pois pergunto, definamos o tempo exato que toco o giz no quadro? Pera ai: vamos lá: agora... puxa vida já foi, agora passou e precisarei de um vir para poder tentar definir o encostar do giz no quadro que se dá num agora que não consigo apontar. Se temos tempo para fazer isso ou aquilo já não sei, concordo com a autora que muitos jogam fora o tempo que tem, e de fato o conhecimento, a revolução, não acontecem, e nem estou falando de revolução proletaria marxista, revolução do eu, do individuo que se percebe na menoridade de que ele mesmo é culpado, como apontou Kant, e não faz nada para expandir-se. Se temos tempo pra perder não faz tanta importancia, mas se estivermos constantemente perdendo o tempo, então que o perdamos com estudo, expansão de conhecimento, relações de amor e afeto, preocupação com o transformar-se, com amizade, sentados num banco de praça conversando com um amigo, ouvindo o barulho do vento e observando a folha do platano cair e matar a mosca...